INSS aumenta prazo para segurados convocados marcarem perícia de auxílio-doença

Foto: Márcia Foletto / O Globo

O Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) ampliou, até 21 de agosto, o prazo para que beneficiários do auxílio-doença convocados entrem em contato para agendar nova perícia junto ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A lista com os segurados que deveriam marcar o procedimento, até sábado, saiu no Diário Oficial da União (DOU) do dia 1º. Eles não tinham sido localizados pelo correios.

O INSS resolveu aumentar o prazo em 15 dias. Os trabalhadores que recebem o seguro por incapacidade e não foram informados por correspondência devem conferir se seu nome está na lista publicada.

A publicação do Ministério do Desenvolvimento Social pode ser acessada a partir da página 96 até a 235 do Diário Oficial de terça. Confira aqui.

Se tiver sido convocado, é necessário se informar pela central de atendimento, no telefone 135, para saber a data agendada para a reavaliação do benefício. Quem não comparecer na data agendada terá o auxílio-doença suspenso ou cancelado.

Na perícia, o segurado deve apresentar toda a documentação médica que justifique o recebimento do benefício, como atestados, laudos, receitas e exames.

Segundo o INSS, 530 mil benefícios de auxílio-doença serão revisados, além de mais de 1 milhão de aposentadorias por invalidez. Até meados de julho, foram realizadas quase 200 mil perícias em todo o país. No total, 160 mil pessoas tiveram o benefício cancelado por não terem mais necessidade.


Fonte: Extra

Recomende nosso site

Ouça ao Vivo